terça-feira, 12 de dezembro de 2017

A Beleza Mágica De 16 Castelos

No curso da nossa história, os seres humanos deixaram diferentes legados arquitetônicos que até hoje continuam a surpreender com sua beleza complexa. Veja uma lista dos mais belos castelos refletindo a mesma beleza e majestade de seus primeiros anos no mundo.














sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Dicas de Gramado e Canela

Resultado de imagem para gramado e canela

A encantadora cidade de Gramado, no Rio Grande do Sul, e seus arredores são muito conhecidos pela charmosa arquitetura europeia, por suas belezas naturais e pelo saboroso chocolate. Mas que tal sair um pouco dos passeios tradicionais? Confira abaixo as dicas de Cladimir Lima, diretor comercial da empresa Rota Sul Turismo e morador da cidade de Gramado:

Bellepoque – Porque a vida é um cabaré
Quando passar por Gramado, confira a disponibilidade do espetáculo, porque a agenda varia com os meses. Caso role de ir, recomendo! Como o nome sugere, o show aborda a vida de artistas de cabaré, os atores, o figurino, a interatividade com o público… É uma atração que vale super a pena!
Endereço: rua Garibaldi, 320 – Centro

Caro Watson
Conhece os Escape Games, aqueles jogos em que os participantes precisam desvendar os enigmas de cada sala até chegar à saída? Pois é, o Caro Watson é um deles. Se você curte esse tipo de passatempo, faça uma parada lá. São dois jogos que estão disponíveis: o Diamante e o Missão Impossível.
Endereço: Travessa Mte., 40 – Vila Suica

Bikers Pub
Essa dica é para quem gosta de ouvir rock acompanhado de um bom chope ou daquela cervejinha. Localizado em Canela, o pub oferece um ambiente agradável e deliciosos petiscos, além de uma decoração sensacional com a temática de motocicletas.
Endereço: avenida Osvaldo Aranha, 1038 – Vila Luiza

Pastelaria do Beiçola
Essa é uma dica para matar a fome. Tem pastéis doces e salgados, mas, caso eles não sejam sua praia, o cardápio ainda conta com sanduíches, cachorros-quentes e panquecas de variados sabores. Eles também fazem tele-entrega –sim, é assim que chamamos o serviço de delivery por aqui.
Endereço: avenida Borges de Medeiros, 3497 – Vila Suica

Pasteleiro
Aproveitando que estamos falando de pastel, outra opção é dar uma passadinha no Pasteleiro. Lá os pastéis levam nomes de filmes nacionais e internacionais, como Dona Flor e Seus Dois Maridos (frango, catupiry e palmito) e Baby, o Porquinho Atrapalhado (bacon, milho, catupiry e muçarela). Caso queira personalizar, você pode pedir o Proposta Indecente, podendo escolher até quatro ingredientes para compor seu próprio sabor.
Endereço: rua São Pedro, 32 – Centro

Museu do Festival de Cinema de Gramado
Apesar de ser um evento bem conhecido, muitas pessoas não incluem o museu, que também traz um panorama do festival, no roteiro. Porém, a visita é mais que válida, principalmente se você for fã de cinema. Documentos, cartazes, imagens e textos originais contam a história do cinema brasileiro e latino-americano.
Endereço: avenida Borges de Medeiros, 2659 – Centro

Mundo Gelado do Capitão
Verdade, o Mundo Gelado do Capitão também não fica exatamente em Gramado, como o Bikers Pub. Mas Canela, onde está situado, fica bem pertinho e tem fácil acesso pela Avenida das Hortênsias. Assim, resolvi colocá-lo na lista. Vamos lá!

Relativamente nova, a atração consiste em uma caverna de gelo onde a temperatura marca -10ºC (brrr!). Para não passarmos tanto frio assim, recebemos um casaco logo na entrada. Lá dentro ficam algumas esculturas de cama, sofá e cadeira, por exemplo, tudo de gelo! Ainda é possível encontrar réplicas de monumentos como as do Cristo Redentor e da Torre Eiffel. Sabe o personagem Manny, o mamute do filme de animação A Era do Gelo? Também tem escultura dele!
Ah, e é muito fácil achar o Mundo Gelado do Capitão: fica ao lado do Castelinho Caracol, uma das primeiras construções da cidade.
Endereço: Estrada do Caracol, 3915 – Caracol

Parque da Cachoeira
Para quem curte o contato com a natureza, o parque fica entre Canela e São Francisco de Paula e é ideal para caminhadas e piqueniques, além de disponibilizar atividades mais radicais para os aventureiros. Assim, se você gosta de emoção, aproveite para fazer rapel, pêndulo (salto da ponte) e o trajeto no supercabo aéreo, uma espécie de bondinho aberto. Para participar, é necessário fazer o agendamento com antecipação aqui.
Endereço: RS 476 / Estrada Canela para Bom Jesus, Canela

The Petit

Também em Canela, fica a dica para quem gosta de pizza. O ambiente é descontraído, a pizza é gostosa e lá funcionam os esquemas à la carte e rodízio, assim como a já mencionada tele-entrega. É legal ressaltar que a pizzaria é o único estabelecimento que funciona 24 horas na região.

Endereço: Avenida Júlio de Castilhos, 16 – centro, Canela

Dicas de Peru

Viajar para o Peru é sinônimo de história, cultura, cidades místicas e belas paisagens. E não é à toa que Ana Paula Gonçalves, consultora de vendas do GRUPO TREND, escolheu o destino para aproveitar suas férias. Confira abaixo dicas incríveis com o melhor do país.

Lima

A capital peruana esbanja um misto de modernidade com muita tradição e clima praiano. Ao caminhar pelas ruas de Miraflores, um dos bairros mais boêmios, seguros e bonitos de Lima, é possível sentir o clima litorâneo. O shopping Larcomar é uma ótima opção para qualquer momento do dia, em especial ao entardecer, pois, no local, há restaurantes sensacionais com uma bela vista do sol se pondo no mar. Além desta visão maravilhosa, você poderá provar por lá o melhor ceviche de sua vida, acompanhado de um delicioso Pisco Sour.


O Parque do Amor é dedicado aos casais apaixonados. Ele fica na baía de Lima e tem uma das mais belas estátuas da cidade chamada O beijo e é uma boa pedida para um passeio durante a tarde. Para os amantes de história, a Praça de Armas e o Convento de Santo Agostinho são locais muito interessantes para visitação. Um passeio imperdível é o Circuito Mágico das Águas, são aproximadamente 13 fontes que combinam música, luzes e shows de laser, iluminando e deixando a noite de Lima ainda mais encantadora.

Cusco
A arquitetura, os costumes, as ruas, o povo, entre outros atrativos fazem Cusco ser a capital do império inca. Uma atmosfera mística paira por essa cidade que tem uma cultura muito forte, podendo ser sentida por meio das lendas e crenças de seu povo. A Praça de Armas é uma das mais belas da América do Sul e onde concentra a maior parte de bares e restaurantes. Dica: não deixe de experimentar um saboroso Lomo Saltado, prato com ingredientes como carne e batatas, acompanhado de uma refrescante Chicha Morada, o famoso suco feito com um tipo de milho na cor roxa e especiarias.


O sítio arqueológico de Sacsayhuamán é perfeito para quem busca mais um pouco de conhecimento e natureza. O local já serviu como fortaleza e foi criado com intuito de adorar deuses e divindades. Já no Mercado Central de San Pedro, encontrará, além de comidas típicas deliciosas, souvenires feitos pela própria população peruana.
Cusco é procurada por turistas do mundo todo por ser uma cidade segura e ter esta mistura de magia, aventura e mistério que pode ser vivida em cada canto da região. Uma curiosidade de lá é que, além do espanhol, a população se comunica por meio da língua quéchua.

Águas Calientes
Este pequeno povoado é a principal porta para quem tem Machu Picchu como destino final e vale a pena ficar ao menos uma noite por lá. Suas ruas estreitas, onde não passam carros, dão um toque especial ao local, e o faz ser tranquilo e silencioso. Sua única ligação com o resto do mundo é o trem ou suas trilhas incas.
Para quem curte compras, a feirinha que fica em frente à estação de trem é ideal para comprar lembrancinhas, desde os famosos gorros peruanos até os queridinhos chaveiros de lhamas. Já para os amantes da culinária, vale a pena provar a carne de alpaca.
Ao cair da noite, a principal rua do povoado vira a atração dos viajantes. Nesta via, concentram-se os bares, restaurantes e casas de massagem que são muito famosas por lá. As luzes coloridas dos estabelecimentos deixam o momento ainda mais bonito e charmoso.


A cidade perdida é a cereja do bolo, principal ponto turístico do Peru e, sem dúvida, o mais aguardado. A sensação de estar neste lugar é de paz, gratidão e de uma energia contagiante, em que todas as coisas ruins parecem sumir, deixando espaço apenas para os sentimentos bons. As pedras que esculpem cada canto da cidadela retratam uma história marcante de antepassados que viveram de forma inexplicável.


Para quem procura um pouco de emoção, vale a pena encarar a subida na montanha Huayna Picchu e ter uma vista panorâmica incrível da área, além de render belas fotos. Vale lembrar que esta subida é para os que curtem altura, pois o cume chega a alcançar aproximadamente 2.720 metros de altura. Um mimo oferecido aos visitantes é o carimbo de Machu Picchu no passaporte.

Fonte: Segue Viagem

Dicas de San Andrés

Difícil não se apaixonar por San Andrés. Famosa pelo mar colorido em tons de azul e verde e paisagens dignas de cartão-postal, a ilha está entre os destinos mais procurados do Caribe. Não à toa, Vitor Antunes, elegeu o destino para curtir alguns dias de descanso e compartilhou algumas dicas com a gente:
Vale começar dizendo que a cidade tem estrutura simples se comparada a outras regiões do Caribe, mas as lindas paisagens e belezas naturais que o lugar oferece compensam todo o resto.


Parasail

Para desfrutar a ilha de outros ângulos e com muita emoção, uma boa pedida é voar de parasail. No total, o passeio tem duração aproximada de duas horas, considerando a saída da marina até o momento do retorno. Já de voo, são cerca de quinze minutos contemplando cenários estonteantes.
Explore San Andrés com um carrinho de golfe ou moto
No centro da cidade existem vários estabelecimentos de locação de carrinho de golfe ou moto.  Por ser pequena, em uma hora, se o turista não fizer nenhuma parada, é possível dar uma volta completa em San Andrés.  Mas é interessante parar para fotografar os arredores, fazer alguns mergulhos, matar a fome e, claro, conhecer os principais pontos turísticos

Hoyo Soplador
À beira do mar existe uma formação rochosa com buracos naturais que dão nome à atração: buraco soprador. Por conta da intensidade das ondas que quebram logo abaixo dessas fendas, um vento é soprado com força jogando os cabelos para o alto. O local ainda conta com três lojas de souvenires.

La Piscinita
Como o nome indica, esse ponto turístico consiste em uma piscina natural. Suas águas cristalinas são casa de muitos peixes, os quais turistas podem alimentar com o pãozinho que é recebido junto com o ingresso (cerca de 4 mil pesos colombianos).

West View
Na mesma pegada de La Piscinita, existe a West View. O diferencial dessa piscina é que há um tobogã e um trampolim para a diversão dos visitantes.  A entrada (cerca de 4 mil pesos colombianos) também inclui um pãozinho para alimentar os peixes. É de lá que também parte o passeio Aquanautas.

Aquanautas
Usando um escafandro, uma espécie de capacete utilizada por mergulhadores, caminha-se debaixo d’agua, a uma profundidade de cerca de seis metros.

Rocky Cay
Considerada uma das praias mais belas de San Andrés, Rocky Cay tem mar cristalino e boa infraestrutura por conta dos clubes de praia da região. Visitantes aproveitam a ida até a praia para praticar atividades como windsurfe e cruzar o mar de Jet Ski.

Johnny Cay

Reservar um dia para aproveitar Johnny Cay, ilhota próxima de San Andrés, é uma boa ideia, a ilha merece um dia inteiro lá. São dez minutos de lancha para chegar ao local, onde você poderá alugar cadeiras, guarda-sol ou até cabaninhas.

Restaurantes e bares
San Andrés oferece opções para todos os bolsos.  Com decoração estilo bar americano, o Beer Station fica em frente à praia e tem preços bacanas. O La Regatta foge um pouco à regra, mas é uma excelente pedida. Sua decoração tem como tema a vida marinha e o grande destaque fica por conta da linda vista, que dá para a baía. Assim, recomenda-se frequentar o restaurante na hora do almoço, para apreciar a paisagem. Quem gosta de frutos do mar vai poder saborear pratos como ceviche e camarão. Delicie-se! Mas lembre de fazer reserva para comer no local. A pinã colada, coquetel à base de rum, abacaxi e leite de coco, é bastante vendida na praia e muito saborosa. Para quem gosta de cerveja: elas são bem baratas em San Andrés.

Vida noturna
Para quem gosta de curtir a noite, vale conhecer a Coco Loco, um clube muito animado que conta com um píer de frente para o mar.


Dicas
– Para entrar em San Andrés, o turista precisa da tarjeta turística, que pode ser adquirida com as companhias aéreas antes mesmo de sair do Brasil, ou no aeroporto de conexão. O documento deve ser guardado com cuidado, pois será solicitado também na saída da ilha.
– No geral, a ilha é segura. Mas vale manter a atenção e cuidados toda vez que viajamos, como evitar acessórios chamativos e tomar cuidado com os pertences, principalmente em locais muito movimentados.
Mala
Roupas leves e traje de banho, chapéu ou boné, protetor solar e óculos de sol. Uma capa ou abrigo de chuva pode vir a calhar. Sapatos confortáveis são essenciais para caminhar pela ilha.

Fonte: Segue Viagem

Dicas de Salvador

Salvador, terra de Dorival Caymmi, Gilberto Gil, Gal Costa, Carlinhos Brown, Lázaro Ramos, Wagner Moura, de Airan Cal, e de muita coisa boa. Por isso, preparamos um post especial para falar deste destino: prepare-se para conhecer a cidade como um bom soteropolitano.

As praias dos baianos

Quando falamos sobre a capital da Bahia, quais são os principais atrativos que vêm à sua cabeça? Pelourinho, Baía de Todos-os-Santos, Farol da Barra, Elevador Lacerda, acarajé, baianas com saias rodadas, Mercado Modelo e a Igreja do Senhor do Bonfim, com suas icônicas fitinhas coloridas, com certeza são alguns deles. Mas a ensolarada e sempre alegre cidade tem muito mais a oferecer.


Com aproximadamente 50 km de costa litorânea, Salvador é uma verdadeira imensidão de areia e mar. São tantas as opções de praias que mesmo quem já é um visitante frequente tem motivos de sobra para voltar e se surpreender. Entre as preferências dos nativos para curtir sol, sombra e água fresca longe do frenesi dos turistas estão as praias do litoral norte, que ficam bem próximas ao Aeroporto Luís Eduardo Magalhães. Três delas merecem destaque: Stella Maris, Flamengo e Ipitanga.
Procurada por surfistas, Stella Maris é um conjunto de coqueiros, areia fofa, ondas fortes e mar cheio de pedrinhas – se refrescar nas piscinas naturais formadas em dias de maré baixa é uma ótima pedida. Mais adiante, a Praia do Flamengo também é uma das favoritas dos aficionados por surfe. Com pequenas dunas de areia e água em tons de verde e azul, o cenário paradisíaco é perfeito para quem busca paz e sossego. Para fechar com chave de ouro, a última parada é no município vizinho de Lauro de Freitas, onde o mar aberto (totalmente ligado ao oceano) da Praia de Ipitanga recepciona os visitantes com sua orla tranquila e excelente infraestrutura.

Um tempero para lá de arretado
Já cantava Ary Barroso: “no tabuleiro da baiana tem vatapá, caruru, mugunzá, tem umbu”. E o bom é que em Salvador ninguém fica apenas na vontade. Reconhecida internacionalmente pela riquíssima culinária, a gastronomia é tão variada que, inclusive, rende um roteiro turístico dedicado exclusivamente para ela.
Não deixe de recomendar uma visita aos restaurantes localizados no entorno da Pedra Furada, como o Recanto da Lua Cheia. Ponto de encontro de soteropolitanos e fãs de casquinhas de siri, peixes, frutos do mar, cocadas caseiras e outros quitutes típicos da cozinha regional, o empreendimento conta com outro diferencial: a vista deslumbrante da Baía de Todos-os-Santos.
Agora, se o viajante quiser experimentar a melhor moqueca de camarão do destino, o lugar mais indicado é o Donana Restaurante, um dos points favoritos dos moradores quando o objetivo é comer bem em um ambiente simples e aconchegante. Vale lembrar que o estabelecimento não funciona às segundas-feiras, ok?

O charmoso bairro da Ribeira
O ritmo típico das cidades do interior, marcado pela harmonia cosmopolita das grandes capitais: assim pode ser descrito o famoso bairro da Ribeira. Banhada pela Baía de Todos-os-Santos, esta região da Cidade Baixa sem dúvida daria uma ótima musa inspiradora para canções no estilo bossa-nova graças às cadeiras colocadas nas calçadas ao entardecer, aos barcos navegando em águas claras e mansas e, é claro, aos bares e restaurantes que dão o tom boêmio ao local.


Durante o passeio por ali, além de apreciar um belíssimo pôr do sol – que dizem ser um dos mais bonitos da Bahia –, é quase obrigatório dar uma paradinha na Sorveteria da Ribeira, o ponto turístico mais famoso do pedaço. Em funcionamento desde 1931, preserva a arte de produzir sorvetes deliciosos de maneira artesanal, disponibilizando cerca de 60 sabores, entre frutas tropicais, exóticas e ao leite.

Happy Hour 24 horas por dia
Na cidade das festas populares, onde a alegria impera em todas as estações do ano, o agito e a diversão não têm hora para começar ou acabar. Portanto, não é por acaso que, quando o assunto é curtir e comer bem, o destino dos salvadorenses seja justamente um barzinho, aberto noite adentro.
Instalado no Shopping Boulevard, o Caminho de Casa, especializado na culinária regional, é outra opção para qualquer hora do dia, trabalhando com um cardápio que inclui de carne de fumeiro a iscas de tilápia, passando, ainda, por um espetacular filé mignon. Aos domingos, o buffet fica a cargo da tradicional feijoada, que, aliada ao som ambiente à base de chorinho e bossa-nova, garante a satisfação dos visitantes.

Fonte: Segue Viagem